Varíola dos Macacos: O que é? E seus sintomas

Por: Andreia Guimarães

Varíola Símia (varíola dos macacos), é uma doença preocupante causada pelo MPXV, o vírus foi descoberto nos macacos em 1950, e infectou humanos pela primeira vez em 1970 na África. Sua transmissão se consiste pelo contato físico com a pele do doente, objetos que o infectado tocou seus fluidos corporais, relações sexuais ou secreções respiratórias.

Uma grande parte dos casos afetam homens, a OMS (Organização Mundial da Saúde) aconselha que os viajantes que retornaram da África Ocidental, consulte um médico imediatamente se notarem qualquer alteração incomum na pele.

 Os sintomas mais comuns da varíola dos macacos são: Dor de cabeça, dor nas costas ou musculatura, febre, inflamações nos nódulos linfáticos, calafrio e exaustão. Em seguida, coceira no rosto que se chegar aos olhos pode ocasionar cegueira e se espalha para o corpo em consequência a pele fica coberta de lesões e a infecção dura aproximadamente em torno de 14 a 21 dias.

 Ainda não há tratamento específico para o quadro clínico da doença e de forma geral, seus sintomas são leves, mas requerem cuidados e observações as lesões. Seu maior risco de agravamento acontece para pessoas imunossuprimidas e crianças em que ela pode ser desenvolver de forma mais grave.

Atualmente, no Brasil, foi confirmado o primeiro caso de varíola dos macacos em São Paulo. O caso se refere a um homem de 41 anos residente na cidade, com registros de viagem para Portugal e Espanha. O mesmo se encontra internado no instituto de infectologista Emilio Ribas na capital paulista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.