Blitz orienta motoristas para transporte correto de cargas e de passageiros, em Macapá

Por Diego Balieiro

A Prefeitura de Macapá realiza blitz para orientação de motoristas quanto ao transporte correto de carga e transporte irregular de passageiros nas vias da capital. Na ação, foi abordado também a importância dos documentos que comprovem a atividade dos condutores, identificando a regularidade da atividade.

“Nós estamos orientando que o condutor regularize sua atividade para que ele possa transitar em Macapá de forma legal. Toda atividade desempenhada de forma regular proporciona segurança aos profissionais que podem trabalhar com tranquilidade ”, destaca o diretor-presidente Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá (CTMac), Andrey Rêgo.

Todos os tipos de veículos que fazem transporte de carga ou fretamento no município como pick-ups, caminhões, caminhonetes, reboques, precisam obrigatoriamente ser cadastrados na CTMac. Na ação de terça-feira (26), foram notificados cinco veículos, além disso, foram autuados 22 veículos.

Marco Dias trabalha com transporte de cargas e conta que todo ano realiza o recadastramento. “É importante que os colegas de profissão entendam que o cadastro é necessário, sou motorista e todos os anos me preocupo em realizar meu recadastramento, justamente para evitar transtornos e prejuízos”, diz.

Ação também contou com a participação do grupamento de trânsito da Guarda Civil Municipal de Macapá (GCMM).

Cadastro

É necessário que o motorista realize o cadastro para exercer a profissão de forma adequada. Para isso, basta ir até a CTMAc que funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, e apresentar os documentos originais e xerox do RG, CPF, Carteira Nacional de Habilitação, Certidão Civil e Criminal e comprovante de residência. Pessoas jurídicas devem apresentar, ainda, o contrato social e CNPJ.

No ato do cadastramento os utilitários passam por vistoria recebendo um selo, identificando que o veículo está em perfeitas condições de trabalho.

Quem for identificado desenvolvendo o exercício sem cadastro receberá uma multa no valor de R$ 1.258,03. Para os veículos de placa vermelha que estejam com a licença vencida a multa é de R$ 263,21.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.